A sombra

Em 2006 a ACT organizou um seminário de capacitação para Ongs sobre controle do tabagismo em Brasília, um evento pequeno, mas recebemos a visita de representantes da indústria do tabaco. Como divulguei aqui no blog, em fevereiro a ACT fez um seminário em parceria com a Faculdade de Direito da PUC de SP, voltado basicamente a estudantes, e lá estavam eles, outros personagens mas com a mesma função. Bem, ao menos imaginamos ser a mesma função…

Curioso é que nunca se apresentam diretamente, ao invés disto referem apenas ser membros do escritório X ou Y, com nomes que não nos dizem nada. Franqueza, ética e comunicação sem subterfúgios ainda parece uma prática distante deste grupo. Não é surpresa, mas é um desalento saber que a estratégia não muda, apesar de um discurso em contrário.

Dúvidas não existem pois as máscaras caem. Quem dera todos pudessem ver o que se oculta atrás destas máscaras… certamente menos jovens começariam a fumar e mais fumantes se sentiriam motivados a largar o cigarro.

1 comentário sobre “A sombra

  1. Como se sabe, a verdade mora no fundo de um poço e a mentira se apresenta em vestido de festa e se joga no colo da gente toda hora… Há que mostrar a verdade para quem quiser ver, pois quem não quer, cara Mônica… Graças a Deus que a cada dia que passa, mais gente faz questão de tirar a verdade do fundo do poço e encará-la face a face. Sou funcionário do Poder Judiciário aqui em Franca e pensei que estaria sozinho na luta para abandonar o cigarro. Ledo engano. Só hoje já conversei com três pessoas que largaram de fumar recentemente. Estou até pensando em fundar um grupo de ex-fumantes do Poder Judiciário de Franca.

    Um abraço.

    beto.

Deixe uma resposta